Difícil dizer que alguém já encontrou a fórmula mágica para controlar os gastos de uma empresa, seja ela de pequena ou grande porte. O que se pode fazer para ajudar a manter a sua empresa financeiramente saudável, principalmente em épocas de crise, nada mais é do que saber administrá-la de maneira eficiente. Por isso, relacionamos 4 dicas infalíveis para você começar a gerenciar sua empresa e reduzir os gastos.

1 Analise os gastos

Analisar todos os gastos da empresa é o primeiro passo para conseguir realizar uma gestão eficiente. Saber onde estão os gastos “desnecessários”, ou seja, aqueles que podem ser reduzidos ou cortados, auxilia a empresa a lucrar mais. É necessário ter um controle absoluto das contas, tenha uma planilha e anote todo e qualquer tipo de despesa, sempre pensando em uma forma de reduzi-las, como por exemplo, desde trocar telefone por Skype ou whatsapp; negociar descontos com fornecedores ao pagar antecipado algum tipo de prestação, até educar os funcionários a trocar o famoso copinho plástico de café por canecas.

2 Mantenha um bom relacionamento

Fidelize e mantenha um bom relacionamento com seus clientes, estudos apontam que manter um cliente custa até 5 vezes mais barato que conquistar um novo. É através desse cliente fidelizado que sua empresa será indicada para outros possíveis clientes, dessa forma, você aumenta suas vendas sem que haja um investimento significativo para isso. Aposte também em ter um bom relacionamento com os fornecedores, isso pode trazer benefícios como melhores preços e condições de pagamento.

3 Aprimore!

Procure manter os equipamentos da sua empresa usáveis durante o maior tempo possível. Se algo quebrou e vale mais a pena consertar, conserte! Porém lembre-se que se o desempenho da produção depende de algo que for novo, com certeza valerá mais investir na compra. Isso tudo também serve para os funcionários, fique de olho no potencial e nas habilidades deles, às vezes, um mesmo funcionário consegue acumular mais de uma função dentro do seu setor e é certo que com incentivo e reconhecimento será capaz de cumprir com excelência mais de uma atribuição e, dessa forma, sairá mais em conta do que a contratação de um novo.

4 Invista em um sistema de gestão empresarial

Muitas empresas de pequeno porte ainda não possuem um sistema de gestão por acharem que é um gasto desnecessário, quando na verdade é um investimento. Um bom software de gestão pode fazer toda a diferença a médio e longo prazo, tornando os processos muito mais confiáveis e as decisões mais seguras.

Uma excelente opção é o Smallsoft, com funcionalidades que vão desde a integração de vendas e financeiro, como a emissão de notas fiscais eletrônicas.